Estado concede progressão vertical a mais de 1.600 professores e coordenadores pedagógicos

prof2

Como parte da política de valorização dos profissionais da Educação, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia divulgou, nesta quinta-feira (25), a progressão funcional por avanço vertical para 1.635 professores e coordenadores pedagógicos dos Ensinos Fundamental e Médio, da carreira do magistério estadual. A ação é resultado de cursos de pós-graduação realizados pelos educadores, sendo 1.189 por especialização, 404 por mestrado e 42 por conclusão de cursos de doutorado. Estes educadores já receberão na folha de pagamento do mês de junho, retroativo a 1º de maio.

“A progressão funcional por avanço vertical traz um ganho salarial para os professores e coordenadores pedagógicos, mas, principalmente, deve resultar na qualidade da Educação, tendo em vista que estes profissionais desenvolvem pesquisas e ampliaram seus conhecimentos durante suas pós-graduações. Portanto, é mais um reconhecimento do Estado pelo aperfeiçoamento profissional dos educadores e, com isso, os estudantes também serão beneficiados”, afirma o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

>> Clique aqui para acessar a lista.pdf

Com esta progressão, um professor da rede estadual com carga horária de 40 horas, terá uma remuneração inicial de R$ 3.332,05, com mestrado de R$ 3.971,31 e com doutorado de R$ 4.725,86.

Atenção estudante – Últimos dias para as inscrições no ENEM

18342445_1860448124205265_1395719431230531806_n

Os estudantes têm até esta sexta-feira (19) para fazer a inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), cujas provas serão realizadas nos dias 5 e 12 de novembro. Durante toda a semana, professores e gestores das escolas estaduais estão auxiliando os estudantes no processo. Por meio da campanha ENEM 100%, da Secretaria da Educação do Estado, as escolas estão disponibilizando os laboratórios de informática, secretarias e outras salas com computadores e acesso à Internet para que os estudantes garantam suas inscrições para o exame.

Além de apoio para as inscrições, o ENEM 100% envolve várias ações articuladas, como a realização de aulões e simulados. Para auxiliar os estudantes na preparação para as provas a Secretaria da Educação do Estado disponibiliza também mais de quatro mil conteúdos digitais educacionais no Ambiente Educacional Web. São conteúdos de todas as disciplinas das áreas de conhecimento, inclusive videoaulas, e de todos os níveis de ensino, produzidos e/ou catalogados por educadores da Rede Anísio Teixeira.

Isenção

Os estudantes da 3ª série do Ensino Médio da rede estadual de ensino possuem isenção garantida na inscrição do ENEM. Para isto, eles devem informar, no ato da inscrição, o seu CPF e a data de nascimento. Com esses dados, o sistema identifica automaticamente quem são os alunos de escolas públicas e o valor, que seria de R$ 82, é liberado. A inscrição pode ser feira através do portal do Inep.

A rede estadual tem 125 mil alunos matriculados no 3º ano do Ensino Médio aptos a realizarem o ENEM.

Território Velho Chico é representado no lançamento do Projeto Educação Empreendedora

34698865025_ce8bfd1243_z

O NTE 02 –  Território Velho Chico se fez presente no lançamento do Projeto Educação Empreendedora que ocorreu ontem em Salvador e contou com a presença de representantes de diversos territórios do estado da Bahia, incluindo o Velho Chico com a presença das gestoras escolares Maria Helena Laranjeira (Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães), Tânia Laranjeira (Colégio estadual Monsenhor Turíbio Vilanova), Diretora Territorial do NTE 02 Ayrleide Maria Miranda Pereira,  do Secretário de educação Walter Pinheiro  e do governador do estado Rui Costa.

Promover a cultura empreendedora e capacitar os baianos para dinamizar ainda mais a economia da capital e também do interior. Estas são as metas do projeto Educação Empreendedora, desenvolvido pelo Governo do Estado, em parceria com o Sebrae-BA. Lançado pelo governador Rui Costa, nesta terça-feira (16), o projeto vai levar cursos de qualificação para os 27 Territórios de Identidade da Bahia, capacitando professores e estudantes para alcançar mais de 50 mil jovens baianos até 2018, sendo 40 mil alunos da educação básica e 10 mil da educação profissional.

Vamos implementar nas nossas escolas o que estamos chamando de escola empreendedora, ou seja, que transmite habilidades, conhecimentos para os alunos de como empreender, inovar. Capacitar não só a montar um negócio, mas como criar algo novo dentro de um negócio que já existe. Estamos vivendo uma época de mudanças no mercado de trabalho, onde há mais espaço para esse tipo de habilidade, fugindo um pouco daquele modelo tradicional de emprego, por exemplo. Por isso queremos habilitar nossos jovens para esta nova realidade”, ressaltou Rui.

De acordo com o governador, o anúncio do projeto foi realizado na presença de gestores e diretores, porque o Governo quer o engajamento de todos para fazer da Educação Profissional um sucesso no estado. “Esta reunião traduz o sentimento de união que queremos reforçar para transformar a educação na Bahia numa força que gera oportunidades e forma profissionais. A Secretaria e o Governo do Estado podem estabelecer diretrizes para os programas, mas as coisas acontecem na escola”.

O projeto Educação Empreendedora vai promover a formação de estudantes e de professores com a oferta de três cursos específicos da área, com vagas abertas já este ano. Parceiro do Governo do Estado, o Sebrae fica responsável pelas aulas e pelos materiais. Com inscrições abertas nesta terça-feira (16), o curso para Licenciamento de Metodologias de Educação Empreendedora é voltado para professores de 15 Centros Territoriais de Educação Profissional, alcançando a qualificação de 50 mil estudantes, nesta primeira etapa, até o próximo ano. Os interessados podem se inscrever até o de 23 de maio, através do e-mail educacao@ba.sebrae.com.br. As aulas acontecem de 7 de junho a 4 de agosto.

De acordo com o secretário da Educação, Walter Pinheiro, além dos estudantes, o projeto abre oportunidades para quem não está em idade escolar. “Estamos selando essa parceria com o Sebrae, que vai possibilitar levar a educação empreendedora para 168 municípios baianos. Queremos, com todos os programas do Governo do Estado, criar um novo ambiente nas escolas, relacionando o conhecimento com a economia local, com a vida cotidiana das pessoas”.

Empossada a nova diretora do NTE 02

18446636_1645251765503421_8120371407468067677_n

Na última sexta-feira, 12/05, a professora Ayrleide Maria Miranda Pereira, foi empossada como Diretora do Núcleo Territorial de Educação, NTE 02 do Território Velho Chico. Na ocasião, foi recepcionada pela equipe de  funcionários do Núcleo, bem como gestores escolares, professores e diversas autoridades da cidade e região

No seu discurso, professora Ayrleide firmou compromisso de desenvolver com zelo e responsabilidade as ações propostas pela Secretaria de Educação do Estado da Bahia, citando  como exemplo os Projetos Estruturantes, o Pacto pela Educação, o Emitec, entre outros. “Tenho consciência de que o NTE 02 de todos, é o que tem a maior extensão, mas, através das parcerias e contribuições dos municípios haveremos de encurtar a distância, pois temos uma Bandeira e assumimos um compromisso; darmos prosseguimento ao grande projeto que hoje norteia as ações da Secretaria da Educação da Bahia, o Educar para Transformar.” Afirmou a nova Diretora.

Em sua fala citou ainda que  o setor de Educação é o responsável por ações que são direcionadas ao social e que,  dessa forma,  irá trabalhar pela qualidade da educação, pela melhoria de vida do cidadão, pela Alfabetização  da Criança na Idade Certa, pela Educação de Jovens e Adultos, pela Educação Profissional, pela educação indígena, pela Educação do Campo e pelo patrimônio cultural e identidade do nosso povo.

Começam hoje as eleições para o Colegiado Escolar nas escolas estaduais

colegiado-escolar-20172

Muitos estudantes da rede estadual terão os pais, mães e responsáveis como companhia a caminho da escola, desta segunda segunda-feira (8) até sexta (12). É que as escolas estaduais da capital e do interior estarão realizando as eleições para o Colegiado Escolar, que é composto por representantes dos estudantes, professores, funcionários e das famílias. A missão do conselho é contribuir para a gestão democrática e participativa das escolas, visando a união de todos pela melhoria da Educação.

 “O Colegiado é extremamente importante, por meio dos qual, todos os segmentos podem dar sugestões, acompanhar e fiscalizar as ações pedagógicas e administrativas da escola. Inclusive é uma forma de os pais estarem mais presentes no cotidiano da escola onde seus filhos estudam podendo, portanto, contribuir com a direção da escola, fortalecer a gestão e, consequentemente, a Educação”, afirma o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

 A eleição é promovida pela Secretaria da Educação do Estado e cada escola escolherá um dia da semana para o pleito. Urnas serão disponibilizadas, nos três turnos, nas unidades escolares. Para a formação do colegiado, a votação é por segmentos. Só o diretor da unidade escolar tem representação garantida. As unidades escolares já têm a lista dos votantes.

Confira o calendário de eleição do Território Velho Chico:

Calendário de realização da Eleição do Colegiado Escolar – NTE 02 Bom Jesus da Lapa

COL. EST. PROF. ODONTINA LARANJEIRA Ibotirama 12 de maio
COL. EST. SIDNEY MASCARENHAS Javi (Muquém de S. Francisco) 11 de maio
CEOL. EST. NEMÍSIA RIBEIRO DOS SANTOS Morpará 12 de maio
COL. EST. N. SENHORA DO ROSÁRIO Sítio do Mato 11 de maio
COL. EST. LUIZ CARLOS MORENO Muquém de S. Francisco 11 de maio
COL. EST. PRESIDENTE MÉDICE Paratinga 12 de maio
COL. EST. GRANDES MESTRES BRASILEIROS Matina 11 de maio
COL. EST. MARECHAL CASTELO BRANCO Ibotirama 10 de maio
COL. EST. SINÉSIO COSTA Riacho de Santana 12 de maio
COL. EST. MONSENHOR TURÍBIO VILANOVA Bom Jesus da Lapa 12 de maio
COL. EST. LUIS VIANA FILHO Barra 11 de maio
COL. EST. ANÍSIO HONORATO GODOY Serra do Ramalho 09 de maio
COL. EST. DE IGAPORÃ Igaporã 11 de maio
COL. EST. S. VICENTE DE PAULO Bom Jesus da Lapa 09 de maio
COL. MODELO LUIS EDUARDO MAGALHÃES Bom Jesus da Lapa 11 de maio
COL. EST. PAPA JOÃO PAULO I Brotas de Macaúbas 11 de maio
COL. EST. D. LUIS ROGÉRIO DE SOUZA Barra      –
COL. EST. EVANDRO BRANDÃO Paratinga 10 e maio
COL. EST. PROJETO FORMOSO Bom Jesus da Lapa 10 de maio
COL. EST. CRISTO REI Barra 08 de maio
ESC. EST. THOMAZ LEITE Gameleira(Sítio do Mato) 12 de maio
CEEP ÁGUAS Barra 11 de maio
COL. EST. TIRADENTES Oliveira dos Brejinhos 10 de maio
COL. EST. RÔMULO GALVÃO Oliveira dos Brejinhos 10 de maio
COL. EST. LUIS EDUARDO MAGALHÃES Malhada 12 de maio
CETEP VELHO CHICO Ibotirama 12 de maio
ESC. INDÍGENA MAL RONDON Ibotirama 12 de  maio
COL. EST. FILOMENA PRERIRA RODRIGUES Feira da Mata 12 de maio
COL. EST. CORONEL J. DUQUE Carinhanha 11 de maio
COL. EST. PAGÉ ROQUE MOISÉS DA SILVA Muquém de S. Francisco   –

Foto: Claudionor Junior/Ilustração

Provas para o processo seletivo da Educação acontecem domingo

lei-2

Já estão disponíveis os cartões de inscrição com os locais de provas para os candidatos que irão fazer, neste domingo (7), o Processo Seletivo Simplificado promovido pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia. O processo visa a contratação, por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), de professores e profissionais da Educação. Os cartões de inscrição estão disponíveis no site: www.ibrae.com.br

As provas serão aplicadas no turno matutino, das 8h às 12h, para as funções de professor da Educação Profissional, preceptor de estágio Enfermagem, técnico de Atendimento Educacional Especializado, tradutor/Interprete de Libras, cuidador educacional, braillista, instrutor de Libras, professor, por segmento da Educação e o do técnico de nível médio/mediador. No turno vespertino, das 14h às 18h, serão realizadas as provas para professor da Educação Básica, da Educação Básica no Campo e Professor Indígena.

Vagas – A seleção visa a contratação de 2.483 professores da Educação Básica, Educação no Campo e mais 215 vagas para professor Indígena. O processo seletivo também envolve 961 vagas para a função de técnico de nível médio/mediador para o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (Emitec).

São ofertadas, ainda, 519 vagas destinadas a professores da Educação Profissional e Tecnológica e 211 vagas iniciais para professor substituto da Educação Básica. São mais 157 vagas para preceptor de estágio de Enfermagem das unidades da Educação Profissional e Tecnológica e mais 655 vagas da Educação Especial, destinadas a técnicos de atendimento educacional especializado, tradutor/intérprete de Libras, cuidador educacional, braillista e instrutor de Libras.

 

Foto: Ilustração

Educadores e gestores escolares têm até o dia 30/04 para participar do Formacenso

fmc-a3-v4

Professores, coordenadores pedagógicos e gestores das unidades escolares da rede estadual de ensino têm até o dia 30 de abril para participar do Censo da Formação dos Profissionais da Educação Básica (Formacenso). A iniciativa da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, realizada pelo Instituto Anísio Teixeira (IAT), busca valorizar os profissionais da educação básica, promovendo uma consulta sobre o interesse de participação em processos de formação, com o objetivo de subsidiar a oferta de cursos a serem realizados pelo IAT. O formulário será online e está disponível no endereço formacenso.educacao.ba.gov.br.

De acordo com o diretor-geral do IAT, Severiano Alves, o Formacenso é o primeiro passo para a execução do Plano de Formação e Desenvolvimento dos Profissionais da Educação Básica, proposto pelo Instituto em articulação com a Superintendência de Políticas para a Educação Básica (Suped). “Precisamos ter um levantamento da real necessidade da rede estadual e, também, dos desejos dos educadores e gestores para o seu plano de carreira. Com a demanda dos profissionais nas mãos, podemos planejar e ofertar cursos de formação continuada”, afirmou Severiano.

A diretora de Formação e Experimentação Educacional, Daday Sales, ressaltou a importância do Formacenso para o processo formativo dos educadores. “Para as ofertas de formação continuada é preciso considerar a formação, a atuação e o interesse dos profissionais que serão atendidos. Com o Formacenso, teremos essas informações atualizadas, o que nos dará melhores condições de planejar a atualização da formação acadêmica, aperfeiçoamento profissional e pedagógico. A Secretaria, por meio do IAT, poderá, dessa forma, promover ofertas que vão ao encontro das expectativas e das necessidades de formação continuada de sua rede e são significativas para os seus profissionais, na perspectiva de assim melhorar a qualidade do ensino e da aprendizagem”, disse Daday.

Plano de Formação dos Profissionais da Educação

O Plano de Formação tem como objetivo contribuir com o cumprimento da meta 16 dos planos nacional e estadual de educação, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação e o decreto Nº 8.752, que trata da Política Nacional de Formação dos Profissionais da Educação Básica, garantindo a melhoria da qualidade da educação básica. O Plano de Formação e Desenvolvimento dos Profissionais da Educação Básica contempla três programas, interdependente e complementares: o de Formação e Desenvolvimento dos profissionais da educação, o de Tecnologias e Mídias Educacionais e o de Pesquisa Inovação Pedagógica, todos desenvolvidos pelo Instituto Anísio Teixeira.

Eleições para líderes de classe mobilizam estudantes da rede estadual

03_6

A semana começou bem movimentada nas escolas da rede estadual com a eleição de líderes e vice-líderes de classe, que acontece até quarta-feira (13). Com urnas nas salas e as plataformas de campanha na ponta da língua, os candidatos se dividem em chapas e tentam conquistar o voto dos colegas. A expectativa é a de que, neste ano letivo, 35 mil estudantes sejam eleitos líderes e vice-líderes de classe. O objetivo da Secretaria da Educação do Estado, com a iniciativa, é promover o protagonismo estudantil e envolver os alunos nas ações realizadas nos colégios da rede, de modo que possam contribuir para a gestão democrática e participativa das escolas.

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, fala sobre a importância da iniciativa: “Temos que estimular os estudantes neste processo democrático de concorrer ao pleito, de votar, de escolher seus representantes e, principalmente, de se envolver no cotidiano da escola, apontando as necessidade e sugestões para a melhoria da Educação. Portanto, a eleição de líder de classe empodera esta juventude e potencializa a dimensão política e cidadã da formação dos nossos estudantes”, afirma.

Cronograma

10 a 13/4 – Período da eleição, sendo que cada unidade escolar definirá o dia para realizar o pleito.

17 a 20/4 – Lançamento dos dados dos líderes e vice-líderes de classe eleitos no sistema do Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

Provas da seleção REDA na Educação serão realizadas no dia 7 de maio

lei-2

A Secretaria da Educação do Estado adiou para o dia 7 de maio a aplicação das provas para o Processo Seletivo Simplificado visando a contratação, por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), de professores e profissionais da Educação. As provas estavam previstas para este domingo (9). Os locais da prova serão informados no cartão de convocação do candidato, disponibilizado no site www.ibrae.com.br

 

De acordo com a portaria publicada, nesta quinta-feira (6), no Diário Oficial, as provas serão aplicadas no turno matutino, das 8h às 12h, para as funções de professor da Educação Profissional, preceptor de estágio Enfermagem, técnico de atendimento educacional especializado, tradutor/Interprete de Libras, cuidador educacional, braillista, instrutor de Libras, professor, por segmento da Educação e o do técnico de nível médio/mediador. No turno vespertino, das 14h às 18h, serão realizadas as provas para professor da Educação Básica, da Educação Básica no Campo e Professor Indígena.

 

Vagas – A seleção visa a contratação de 2.483 professores da Educação Básica, Educação no Campo e mais 215 vagas para professor Indígena. O processo seletivo também envolve 961 vagas para a função de técnico de nível médio/mediador para o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (Emitec).

 

São ofertadas, ainda, 519 vagas destinadas a professores da Educação Profissional e Tecnológica e 211 vagas iniciais para professor substituto da Educação Básica. São mais 157 vagas para preceptor de estágio de Enfermagem das unidades da Educação Profissional e Tecnológica e mais 655 vagas da Educação Especial, destinadas a Técnicos de Atendimento Educacional Especializado, Tradutor/Intérprete de Libras, Cuidador Educacional, Braillista e Instrutor de Libras.

 

Foto: Claudionor Junior

Secretaria lança premiação para estimular a iniciação científica nas escolas estaduais

feira-de-ciencias-col-est-bolivar-santana-foto-emerson-santos-1

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia abriu, nesta segunda-feira (3), inscrições para premiar trabalhos de iniciação científica dos estudantes da rede estadual de ensino. A iniciativa, promovida pelo Programa Ciência na Escola (PCE), tem o objetivo de fomentar a produção científica nas diversas linguagens, a partir dos livros “Bahia, Brasil: espaço, ambiente e cultura” e “Bahia, Brasil: vida, natureza e sociedade”.

Os livros foram editados pela Secretaria e distribuídos para estudantes atendidos pelo projeto. O conteúdo é organizado de forma integrada, georreferenciado na realidade baiana, e apresenta conhecimentos das diversas áreas, como Biologia, Geografia, Química, Física e História. O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, fala sobre a iniciativa. “O Programa coloca a Ciência, a Inovação e o Empreendedorismo dentro das salas de aula. Portanto, esta premiação é mais uma ação para fortalecer o eixo pedagógico nas nossas escolas e fazer com que os nossos estudantes usem da criatividade e sejam estimulados para a iniciação científica”, destacou.

Os orientadores podem inscrever os trabalhos no período de 5 de abril a 2 de junho, por meio de um formulário disponível no Portal da Educação. Os trabalhos devem ser encaminhados para o e-mail ciencianaescola@educacao.ba.gov.br, juntamente com o formulário. O resultado dos finalistas será divulgado no dia 20 de julho.

Serão aceitos trabalhos de autoria de um estudante, orientado por um professor, na forma de fotografia, cordel, vídeo (3 a 5 minutos), grafite e história em quadrinhos, retratando temas que levem em conta critérios como aplicabilidade, relevância social e científica. O material deve ser seguido de um relato de experiência, apresentando os objetivos e motivação da escolha do tema. O documento deve ser enviado em formato PDF e assinado pelo professor orientador e pelo estudante.

Premiação – Os estudantes vencedores serão contemplados com prêmios distribuídos da seguinte forma: o primeiro colocado será credenciado para a Feira de Empreendedorismo, Ciência e Inovação da Bahia (FECIBA) e receberá um smartphone. Aqueles que ficarem do segundo ao quinto lugar, além da credencial para a FECIBA, irão ganhar um tablet. A solenidade de premiação, com a entrega dos prêmios e certificados de participação, acontecerá no dia 14 de agosto, data do aniversário de cinco anos do Programa Ciência na Escola.

Acesse os livros “Bahia, Brasil: espaço, ambiente e cultura” e “Bahia, Brasil: vida, natureza e sociedade” clicando nos respectivos nomes ou acesse:

>> https://issuu.com/atinaedu/docs/le_bahia_1

>> https://issuu.com/atinaedu/docs/bahiabrasil_2014
Acesse aqui o documento de Chamada Pública